Marcelo Ricky, um dos nomes mais Populares do Litoral Paulista - WhatsApp: +55 (13) 98866-7156

Denúncia de racismo no estacionamento do Bangu Shopping no Rio

Comment are off

Pedro Jorge ,19 anos!

IMG-20200621-WA0105

Sexta feira, à tarde, fui vítima de calúnia, racismo e sofri uma lesão corporal leve. Fui até o Bangu Shopping, para comprar uma máquina de cortar cabelo, mas acabei não comprando, pois achei que estava muito cara. Quando cheguei próximo à loja Kalunga, dois seguranças do Shopping me abordaram alegando que eu havia furtado algo. Eles não perguntaram nada, simplesmente um deles me agarrou pela camisa e calça, me pressionando contra a parede na qual bati de cabeça. O mesmo com seu antebraço começou a me enforcar, o outro ficou apenas olhando. Eu comecei a pedir socorro e levantar os braços. Ele disse para eu abaixar o braço e calar a boca, permaneci pedindo ajuda, e para o pessoal filmar o que estava acontecendo. Pessoas começaram a olhar, a se aproximar, ele disse para que elas não se aproximassem. Me levou até os policiais do Bangu Presente, no calçadão, os mesmos revistaram minha bolsa e viram que eu não tinha roubado nada. Eles pediram minha identidade e comprovaram que eu não tinha nenhuma passagem. No momento, decidi não prestar queixa, pois eu estava sozinho e não sabia o que poderia acontecer, fui até minha casa descrevi o ocorrido pra minha família e eles disseram que deveríamos prestar queixas. Retornamos ao Shopping, conversamos com o supervisor da segurança, o qual disse que os seguranças, que trabalham lá, não usam uniforme como eu descrevi que o segurança que me abordou estava usando. Fomos até os policiais do Bangu Presente, os quais nos informaram que deveríamos ir até a delegacia. Fomos à delegacia, os policias disseram para irmos até a UPA, para que eu realizasse um exame de lesão corporal e o Enfermeiro abrisse um Bam, e depois prestar queixa online, segui todo o procedimento.

Deixo aqui com vocês toda a minha indignação por ter sido vítima de racismo, ambos seguranças também eram negros. Não podemos nos calar, diante de situações como essa. Se eu não tivesse pedido ajuda e orientação, talvez me tornasse mais um, nas estatística.
#EUQUEROJUSTIÇA
#racistasnaopassarão

About the Author
1
Olá!
Entre em contato.
Powered by